Meditação do dia 30 de Novembro

30-11-2023

MEDITAÇÃO DO DIA

30 de Novembro de 2023

Partilhar o verdadeiro "eu"

"Partilhar com os outros impede que nos sintamos isolados e sós."

Intimidade é partilhar com outros seres humanos os nossos pensamentos e sentimentos mais profundos. Muitos de nós anseiam pelo calor e pela companhia que a intimidade lhes traz, mas essas coisas não surgem sem esforço. Na nossa adição aprendemos a resguardar-nos dos outros para evitar que ameaçassem o nosso uso. Em recuperação aprendemos a confiar nos outros. A intimidade exige que baixemos as nossas defesas. Para sentirmos a proximidade que a intimidade traz, temos de deixar que os outros se aproximem de nós - do "nós" verdadeiro. Se quisermos partilhar com outros quem verdadeiramente somos, temos de ter primeiro uma ideia daquilo a que esse verdadeiro "eu" se assemelha. Examinamos regularmente as nossas vidas para descobrirmos quem realmente somos, aquilo que realmente queremos, e como realmente nos sentimos. Depois, baseados nos nossos inventários regulares de nós mesmos, temos de ser o mais completa e consistentemente honestos com os nossos amigos. A intimidade faz parte da vida, e portanto faz também parte de uma vida em abstinência - e a intimidade, como tudo em recuperação, tem o seu preço. A dolorosa auto-avaliação que a intimidade exige pode ser um trabalho duro. E uma honestidade total, derivada da intimidade, traz por vezes as suas próprias complicações. Mas a libertação do isolamento e da solidão que a intimidade traz vale bem a pena o esforço.

SÓ POR HOJE: Vou procurar libertar-me do isolamento e da solidão através da intimidade. Hoje vou começar a conhecer "o verdadeiro eu" ao fazer um inventário pessoal, e vou praticar ser completamente honesto com outra pessoa.